Portal da Cidade Campina Grande

VACINAÇÃO

ISEA abre sala de imunização materna e infantil com todas as vacinas de rotina

Secretaria de Saúde passará a ofertar todas as vacinas de rotina do Calendário Nacional de Imunização para crianças e gestantes.

Publicado em 25/08/2022 às 11:27

A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Campina Grande inicia nesta quinta-feira, 25, o funcionamento da sala de vacinação materna e infantil no Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (ISEA). A maternidade, que antes aplicava a vacina BCG em crianças logo após o nascimento e a vacina contra a covid-19 em gestantes, agora passará a ofertar todas as vacinas de rotina do Calendário Nacional de Imunização para crianças e gestantes.

Os imunobiológicos de rotina para crianças são, além da BCG, Hepatites, Pentavalente, Rotavírus, Pneumocócica, Meningocócica, Poliomielite, Tríplice Viral, Tetra Viral, DTP e dTpa, Varicela, HPV, Febre Amarela, Difteria e Tétano. Para as gestantes estarão as vacinas contra Hepatite, dTpa (difteria, tétano e coqueluche), Febre Amarela, Influenza e covid-19. A sala vai funcionar pela manhã e à tarde.

A vacina BCG, que é aplicada logo após o nascimento, também passará a ser ofertada na Policlínica do Catolé, no período da tarde. O objetivo é descentralizar a oferta do imunizante, cuja procura é grande por parte das famílias dos quais os bebês nasceram em outras maternidades.

Outra novidade nesta quinta-feira é a oferta de todas as vacinas contra a covid-19 na Praça da Bandeira, das 13h30 às 16h30, durante uma ação do Senac voltada para motoristas por aplicativo, mototaxistas e taxistas, mas que toda a população poderá participar.

Vacinas de rotina, períodos adequados e prazos de limite para os atrasados até seis anos de idade

BCG – Dose única – Ao nascer (pode tomar até os quatro anos de idade)

Hepatite B – Dose única – Ao nascer (pode tomar até o primeiro mês de vida)

Pentavalente – 3 doses – 1ª dose: 2 meses 2ª dose: 4 meses 3ª dose: 6 meses (pode iniciar o esquema vacinal até os seis anos de idade)

Poliomielite inativada – 3 doses 1ª dose: 2 meses 2ª dose: 4 meses 3ª dose: 6 meses (pode iniciar o esquema vacinal até os quatro anos de idade)

Poliomielite oral – 2 reforços 1º reforço: 15 meses 2º reforço: 4 anos (pode iniciar o esquema vacinal até os quatro anos de idade)

Rotavírus – 2 doses 1ª dose: 2 meses 2ª dose: 4 meses. (pode tomar a primeira dose até três meses e quinze dias e a segunda dose até sete meses)

Pneumocócica 10 – 2 doses e 1 reforço 1ª dose: 2 meses 2ª dose: 4 meses Reforço: 12 meses. (pode iniciar o esquema vacinal até os quatro anos de idade)

Meningocócica C – 2 doses e 1 reforço 1ª dose: 3 meses 2ª dose: 5 meses Reforço: 12 meses.

Tríplice viral (SCR – sarampo, caxumba e rubéola) – 2 doses 1ª dose e 2ª dose: 12 meses, com intervalo de 30 dias entre as doses. (pode iniciar o esquema vacinal até os seis anos de idade)

Tetra viral (SCRV – sarampo, caxumba e rubéola e varicela) – 1 dose – 15 meses. (pode tomar até os quatro anos de idade)

DTP – 2 reforços 1º reforço: 15 meses 2º reforço: 4 anos. (pode iniciar o esquema vacinal até os seis anos de idade)

Hepatite A – 1 dose – 15 meses. (pode tomar até os quatro anos de idade)

Varicela – 1 dose – 4 anos. (pode tomar até os quatro anos de idade)

Febre amarela – 1 dose e Reforço Dose: 9 meses Reforço: 4 anos. (pode iniciar o esquema vacinal até os quatro anos de idade e, entre cinco e seis anos, pode tomar apenas uma dose)

Vacinas de rotina, períodos adequados e prazos de limite para os atrasados até quatorze anos de idade

Hepatite B – Iniciar ou completar 3 doses, de acordo com histórico vacinal.

Febre amarela – Dose única (para aqueles que tomaram apenas uma dose ou nenhuma dose no período adequado)

Tríplice viral – Iniciar ou completar 2 doses, de acordo com histórico vacinal

Difteria e tétano – Iniciar ou completar 3 doses, de acordo com histórico vacina.

Meningocócica ACWY – 1 dose – 11 e 12 anos

HPV quadrivalente – 2 doses com intervalo de seis meses. Meninas: de 09 a 14 anos Meninos: de 11 a 14 anos.

Varicela – 1 ou duas doses a depender do laboratório produtor

dTpa – 1 dose

Vacinas voltadas para as gestantes

Hepatite B – três doses

dTpa – duas doses com intervalo mínimo de dois meses e início das aplicações somente a 20ª semana de gestação

Influenza – dose única a qualquer período da gestação.

Fonte:

Receba as notícias de Campina Grande no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário