Portal da Cidade Campina Grande

VÍDEO

Polícia continua investigando assassinato de adolescente e de homem em Puxinanã

Morte do adolescente Wellington Jhony, de 14 anos, que havia desaparecido, e de um homem chamado Isaquiel, podem estar mesmo ligadas

Publicado em 09/08/2022 às 17:10
Atualizado em

Isaquiel foi assassinado a tiros no dia 4 de agosto (Foto: Reprodução - TV Paraíba)

A Polícia Civil da Paraíba continua investigando os dois assassinatos que aconteceram em Puxinanã, município próximo a Campina Grande, nas últimas semanas. O adolescente Wellington Jhony e um homem chamado Isaquiel foram assassinados e as duas mortes podem ter ligação. 

Após uma semana do desaparecimento do adolescente Wellington Jhony, de 14 anos, da cidade de Puxinanã, a história teve um desfecho triste sábado (30 de julho), quando o corpo do jovem foi encontrado na zona rural de Pocinhos, já em avançado estado de decomposição. Já no dia 4 de agosto, Isaquiel Gomes da Silva, que era casado com a tia de Jhony, foi assassinado a tiros na frente de sua casa, em Puxinanã. 

Segundo a Polícia Civil, Isaquiel era suspeito de envolvimento na morte do adolescente. Dias antes do desaparecimento de Wellington Jhony, Isaquiel teria obrigado o irmão mais novo do adolescente a se despir para provar que não estava com um aparelho celular que supostamente havia sido furtado de casa. Jhony, ao ficar sabendo, teria ido confrontar Isaquiel e depois desapareceu, sendo encontrado morto uma semana depois, na zona rural de Pocinhos, com um saco plástico na cabeça.

A Polícia segue investigando a relação entre as mortes. Veja o vídeo do delegado da Polícia Civil falando sobre os casos: 



Fonte:

Receba as notícias de Campina Grande no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário